O que acontece quando um estudante de Comunicação, fanático por música, resolve falar sobre o tema? A resposta está aqui... um blog ao estilo Jukebox de ser, que tenta fazer um mix de todos os questionamentos e dicas sobre uma arte essencial para viver, a música.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Muito além de um musical.

Por Midiã Santana

Um globo dourado dá início ao filme Across teh Universe. De repente "It feels so rigth now... Hold me tight, and tell me i'm the only one....", começa a ser embalada pela voz da protagonista Lucy, e da namoradinha (que não lembro o nome) do galã Jude. O brilho de um mundo rico, e a sombra de uma realidade pobre, se fundem ao som da música dos Beatles, e inicia o melhor filme que assisti nos últimos meses - pelo menos de musical.
Lucy uma garota rica, se vê desorientada quando o amor dela é mandado para a guerra. Jude, que já meio desorientado das idéias, vive a procura de seu pai biológico, um antigo militar que engravidou sua mãe, porém nunca soube da existência do garoto, sai de Liverpool (olha que coincidêênciia), e segeu para a Princeton, o único endereço que tem do pai....

Ah, num vou explicar o filme todo não..assistam! Vou contar a magia que gira entorno dos jovens, Prudence, Max, Sadie, Jude, Lucy, enter outros, e que daria umaboa análise semiótica, rsrsrs.
Imaginem uma banda que vocÊ gosta muito. Imaginaram? Agora, vizualizem boa parte das canções dessa banda se transformando em realidade, e muitos versos que antes não faziam sentido em sua mente, devido a você não ter vivido na época que a banda estava no auge, de repente se encaixam perfeitamente.
É tanto pra falar, mas não consigo expressar através de palavras. As palavras são códigos fracos (lá vem eu e minha semiótica - desculpa gente). O filme é recheado de boas referências. A personagem Sadie, lembra a maravilhoooosaaa Janis Joplin, o Jo-jo, músico que perde o sentido da vida após de ver seu irmão de uns dez anos, morto no caos da guerra, é inspirado no THE BESSSTTT Jimmy Hendrix.
Revolução, cores, drogas, amizade, e o fardo de carregar a "estátua da liberdade" nas cotas, e a carga de uma guerra sem sentido com o Tio Sam dizendo "I want you", a todo momento, abalou a vida dos negros, do brancos, dos hippies, dos conservadores...do mundo!
Esses momentos de desespero, são retratados através do romance do casal Lucy e Jude, e das 33 músicas dos Beatles que compõem a magia do filme.
O Across the Universe, consegue unir a psicodelia dos anos 70, ao espírito libertário de uma época de revolução.
O filme ainda conta com participações especiais de pessoas "totalmente excelennteesss" como Bono Vox - o Dr Robert (muito Doido) - , Joe Cocker, que faz uma versão extraordinária de Come Togheter, e Salma Hayek, que faz um clichê bááásico da enfermeira gostosona, em Happiness is a Warm Gun, e também conta a participação de um comediante chamado Eddie Izzard (que tá pavorooosoo no filme), mas dá um tom meio de insanidade na realidade vivida pelos personagens - detalhe no momento antes de aparecer o personagem do comediante, perguntam a Lucy, onde eles estão indo, e ela responde: estamos indo a loucuuura!

Já assisti 15 vezes, rsrsrsrs. Aconselho procês.
Curtam agora um trailer do filem, e uma das melhores partes na minah opinião, que é a do Tio Sam.

Trailer:



Tio Sam:






Direção:Julie TaymorRoteiro:Dick Clement e Ian La Frenais Elenco:Evan Rachel Wood, Jim Sturgess, Joe Anderson, Dana Fuchs, Martin Luther, T.V. Carpio

6 comentários:

SouMusic disse...

Aff....

Eu ñ aguento mais ouvir falar desse filme...

EU QUERO ASSISTIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIR!!!!!!!

Midiã... vc ficou de me emprestar.... to esperando!


hehehee

Grazi disse...

Anotadíssimo na agenda!
Depois q assistir volto aqui dar minha opinião!!!
:)

http://sdqwishlist.blogspot.com/

Euzer Lopes disse...

Eu nunca fui muito fã de musicais.
Mas, confesso, tem alguns que marcam tanto, mexem tanto... Hairspray, Duets, e agora este!
Realmente... é um filme pra marcar

- Lemon; disse...

Adoro cinema e adoro música, portanto acho que vou ver sim. A questão e achar tempo para assistí-lo. ;~

IncrivelT disse...

Cara adorei as músicas do filme, mas sei lah, como filme achei bem fraco, tem musicais muito melhores...


www.sfjb.blogspot.com

Aline disse...

A-D-O-R-E-I
Eu escutei tanto a trilha sonora desde quando assisti no cinema que cheguei a enjoar um pouquinho hehehehe

Legal o blog, gostei das dicas!