O que acontece quando um estudante de Comunicação, fanático por música, resolve falar sobre o tema? A resposta está aqui... um blog ao estilo Jukebox de ser, que tenta fazer um mix de todos os questionamentos e dicas sobre uma arte essencial para viver, a música.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Essa eu recomendo!

Não sei se já comentei em algum outro texto a minha paixão por música. Mas se já tiver feito, não vejo problema em repetir (quantas vezes forem) – sou louco por música!

Por causa disso, gostaria de falar sobre um elemento da música que me fascina: o ARRANJO (o link ao lado traz a definição). A capacidade que novos arranjos têm de dar vida nova, alma nova, às músicas é algo que me bestifica. Quem nunca ficou sem espantado em ouvir uma outra versão de uma música, uma “combinação” que nem julgava possível?

Façamos um breve comentário do que seria um arranjo. Em linhas gerais, seria a transformação das estruturas da música, adequando-as de forma a produzir uma nova sonoridade para uma mesma melodia – pelo menos assim entendo (os músicos que me perdoem possíveis “pedradas”). Enfim, é você, por exemplo, tocar um forró em ritmo de axé – acelerando a batida etc.

Um exemplo de ARRANJO PERFEITO, em minha opinião, é uma versão da banda LightHouse Family para a música Ain’t No Sunshine – de Bill Withers. Essa música que já foi hit na voz de Michael Jackson, na época dos Jackson’s Five, foi reorganizada de maneira brilhante pelo Lihthouse. Quem conhece a música sabe do que estou falando. Os caras intensificaram as batidas, tornando uma música uma balada black super moderna.

Na verdade, as três versões da música – Bill, Michael e Lighthouse – são muito boas. Mas a deste último é realmente muito especial. Imaginem uma música tipicamente R&B, com toda aquela batida do hip hop, tendo como pano de fundo uma orquestra? É simplesmente perfeito. Sem contar a voz do cantor, que dá um quê a mais à interpretação. Não à toa essa música já serviu de trilha para filmes, como Nothing Hill, além de seriados.

Bem, esse texto tem por objetivo, antes de mais nada, divulgar, fazer com que o maior número de pessoas possa conhecer essa música, nas três versões, mas principalmente na última. Eu sinceramente espero que curtam. Com certeza vocês saberão adequá-la a trilha de vocês.

Boa distração!!!!




PS: Gostaria de salientar que essas são as versões que conheço. Podem haver outras.

28 comentários:

César Fernández disse...

eu já conhecia :D

é bom mesmo!

Lhaiza disse...

interessante seu blog....
música..amo!!

parabéns pelo blog e pelo post!!

xD

http://bandas-independentes.blogspot.com
http://acord-oficial.blogspot.com

Caroline disse...

A música está aí pra ser explorada, desmistificada, inventada... e os arranjos conseguem dar essa modificada em algo que a gente nem imagina possível!

Eu acho formidável!

Gostei da musica.

CUIDADO disse...

é boooooooooooa a música :P

Vírgula Antenada disse...

Nossa! Que aula sobre música. Arranjo é como poder reencarnar a alma de uma melodia em outro corpo.
Adorei a versão do vídeo.
Amei saber que vc adora música como poucos, explora e repassa.

Mariana disse...

ah...eu não posso ouvir agora... =/
mas prometo voltar depois pra conferir!
amo ouvir bandas novas para mim!

Murilo disse...

dessa banda eu ouvi pouco falar,ouvirei a música que passaste.
Quanto ao arranjo, concordo inteiramente com o que voce disse, ele tem uma capacidade enorme de dar uma nova cara para qualquer música!

Bom blog!

Abraço!

Frank Morgan disse...

È verdade,quem realmente gosta de música adora encontrar outros ritmos para certas músicas.
Pois não são todas que nos agrada.
Eu prefiro as músicas acusticas,adoro bastante.
Por isso,quando escuto alguma música,tento encontra-la na internet em formação acustica,pois é sempre melhor, pelo menos pra mim,mais suave!

Bom blog.

Abraço.
http://polvoloko.blogspot.com

Diego disse...

eu curto som também... e é sempre bom versões diferentes, parabéns!

Natanael Garcia disse...

É uma pena q meu pc hoje ta uma merda, to prests a formatar aqui amanha, não vejo a hora, mas a musica deve ser legal, Alias eu era musico ne, então é sempre bom estar bem informado.

Marco H. Strauss disse...

Boa música;
Interessante o blog...

www.marcostrauss.blogspot.com

L.Vidal disse...

Pena ser eu tão "leiga" no quesito ARRANJO mas aprendi contigo! ;)
Bacana seu blog, espero a tua visita ao meu (iniciante) blog.

http://santasangriadesatada.blogspot.com/

Sucesso!

Mickey disse...

poh eh bom mesmo...curto d miontao, gosto disso de divulgação de musicas, assim a gente conhece mais e nao fica no feija com arros....hehehe

da uma bizoiada no meu

http://sonacachaca.blogspot.com

HenriqueM disse...

Eu me prendo mais à letra do que ao som e os arranjos musicais.
Gosto de coisas que me fazem pensar.

Mas sim, um bom som e um bom arranjo dão uma grande diferença.

Salvador Lucas­ disse...

Interessante seu blog, vou terminar de ler essa postagem e dar uma olhada nesse vídeo que você postou!
Falow

HenriqueM disse...

Sim, mesmo com música estrangeira eu levo em conta a letra, para depois o som.
:)

Odeio quando gosto de uma canção, daí vou ver e a letra é uma merda.
Perder todo o encanto para mim.


Eu curto muito som de gaita de fole e violino.
Conheço uma banda de follmetal, que mistura rock eletronico com gaita de fole.
Pesquise no Youtube por Tanzwut.

Tem uma que é toda instrumental.
E eu adoro.

Cellar_Door disse...

Adoro Lighthouse Family.

Desde a música High.
Pra mim, é a melhor.

Ahh, e obrigado pela visita!
Brigadão msmo.

Abraço.

Davi Arloy disse...

Eu nao conhecia :/
Mas gostei das dicas ali do lado esquerdo, Joss Stone e Franz F. são bons pra toda hora.

Abs

http://calcajeansehavaianas.blogspot.com/

r a f a disse...

nao conhecia.

mas genial mesmo.

musica é minha vida tbm. gostei do seu blog.

César Fernández disse...

poh cara, que nada, minha coragem é só pra postar no blog mesmo...

pras coisas do mundo real como encarar a menina, é impossível :/

César Fernández disse...

eu já tinha lido esse post ontem e hoje li o post abaixo, sobre a ivete...

é muito legal a forma como você fala desses temas, o blog é ótimo, parabéns :]

Adrianah Aguiar disse...

Um arranjo realmete faz grande diferença, dá um brilho às músicas.Às vezes, como você falou, aquelas musicas velhas que conhecemos há muito tempo aparecem com novo arranjo e nos surpreendem.

Também adoro música, mas não sou conhecedora como você, e fico triste com esses tipos de músicas que estão em alta hoje em dia, como os funks da vida, Nós só perdemos culturalmente quando valorizamos esses tipos de músicas, mas fazer o que, o povo gosta!.

bjuo

Adrianah Aguiar disse...

ah, a música ficou M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A!!!!!!!!!

Luana disse...

gostei, vc escreve bem, e amo música, pena eu não conseguir ouvir a música, mas quando tiver como eu volto pra ouvir

fica com Deus

Carlos Vin disse...

Sinceramente, eu não como seria a minha vida sem música... Ajuda em muita coisa e p/ muitos momentos..

Cara, eu não conheço essa versão aí... vou conferi pra entender o q vc diz...

E vc é da Bahia é? Ah! cara, somos conterrâneos então..rs

Um abraço!

Christallina disse...

Oi. Tudo bem?!

Eu divido um blog com um amigo meu, é o http://www.sonhosnoasfalto.blogspot.com/

É que você comentou em um post meu, de ontem, mas se referiu ao Netto, meu amigo, queria saber de qual post você tava falando, se era do meu ou do dele; Você deu uma 'dica', a cor ou a fonte, estava ruim, ams é que eu odeio negrito; E negrito é para destacar algo relevante, não para ser usado no texto inteiro;] Fica a dica para você também;)

Bom mesmo, teu blog;!

Christallina disse...

Claro, eu entendo o seu ponto de vista, mas é que eu realmente não achei problema; Tem um post, o segundo, acho, que a leitura é dificil, mas foi porque quando escrevi ele, o fundo do blog era branco; E me perdoe o modo como falei sobre a função do negrito, eu fiquei muito irritasa, porque eu odeio mesmo textos todo em negrito, aí c veio me indicar isso, fiquei doidona; aushuahs

Mas hoje tô mais relax...

;]

Em todo caso, obrigada pela paciência;]

Lucas Conrado disse...

Ei! Lighthouse Family?
Tem a ver com algo que eu disse?
A voz de Tunde (o vocalista do Lighthouse) é, pra mim, a melhor voz masculina do mundo. E essa música foi muito bem gravada.
Não é a toa que LHF é minha banda favorita!